quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Tempos e travessias


Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares.
É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos.

Fernando Pessoa

2 comentários:

Loca disse...

Lembrei-me que tenho saudades de te ler.
Bêjos amiga.
:))

coffeeanddessert disse...

Fernando Pessoa sempre certo em tudo que diz :)
Um gémeo muito particular.
bjs